Ah plantas! Quem não gosta de chegar em casa e encontrar algumas plantinhas para colorirem e arejarem o ambiente? Na correria do dia a dia, não é sempre que conseguimos dedicar o tempo necessário para cuidar de certas espécies, mas isso não é motivo para não embelezar a sua casa com um pouquinho de natureza.

Para te ajudar a trazer um pouquinho de vida para sua casa ou apartamento, trouxemos nesse post 7 espécies de plantas que exigem pouco cuidado para se ter em casa.

Cacto

Não poderíamos deixar de fora essa que, sem dúvida, é a primeira planta que nos vem à mente quando falamos de pouca manutenção. Os cactos podem viver semanas sem água e em ambientes sempre bem ensolarados, além de virem em diversas formas e tamanhos. O ideal é que sejam regados com pouca água aproximadamente a cada 15 dias e mantidos em lugares onde recebam bastante luz.

Orquídeas

Conhecidas por suas cores exuberantes e pela elegância que agregam ao espaço, as orquídeas são uma excelente opção se você não pode dedicar muito tempo ao cuidado com as plantas. Quando estão florescendo elas devem ser regadas de 15 em 15 dias, e nos demais períodos apenas uma vez por semana. O ideal é molhar a terra em água corrente e deixar que o excesso escoe pelo fundo do vaso. Ao contrário dos cactos, as orquídeas não gostam muito de luz em excesso, por isso o correto e deixa-las em locais mais frescos, nas sombras onde não recebem iluminação direta.

Espada de São Jorge

As Lanças de São Jorge são resistentes e gostam de lugares mais frescos e com iluminação indireta. Elas trazem um visual moderno e, devido ao tom mais escuro, costumam cair bem em espaços com cores claras. Apesar de só precisarem de água uma vez por semana, é importante que o vaso onde estejam plantadas tenha uma boa capacidade de absorção, uma vez que o excesso de água pode fazê-las apodrecer.

Hera

As Heras são extremamente versáteis e existem várias espécies com folhagens diferentes. Essas plantas costumam crescer bastante e podem ornamentar a casa como pendentes, trepadeiras e até mesmo forragens. Elas se dão bem tanto em lugares bem ensolarados como à meia sombra e devem ser regadas uma vez por semana.

Samambaia

Assim como as Heras, as Samambaias funcionam perfeitamente como pendentes (algumas espécies podem chegar até 10 metros). Elas ajudam a deixar o ambiente fresco e bem arejado. Mesmo sendo resistentes a períodos mais longos sem água e com ar seco, o ideal é aguá-las uma vez por semana, e sempre cultivá-las em áreas com sombra, uma vez que podem não gostam muito de sol.

Babosa

A Babosa é da família das suculentas e consegue se adequar a quase todo tipo de ambiente, desde o mais ensolarado até aqueles com pouca luz. Além disso são extremamente resistentes a variações de temperatura. Elas também conseguem passar certos períodos com pouca rega, sendo necessário apenas pulverizar água sobre a planta uma vez por semana.

Rosa-de-pedra

Também da família das suculentas, a Rosa-de-pedra tem folhas firmes e podem variar de cores: desde um verde turvo a pétalas arroxeadas. Elas até podem ser cultivadas em meia sombra, mas gostam mesmo é de lugares com bastante luz solar, sem muita água.

Agora que você já sabe como deixar sua casa mais viva com plantas que demandam poucos cuidados, confira nosso artigo sobre como ter uma horta dentro de casa.

Deixe uma resposta