Muitas pessoas têm o sonho de ter a sua casa própria. No entanto, esse passo tão importante vem acompanhado de muitas decisões e uma delas é a forma de pagamento escolhida pelo comprador doimóvel. Uma das opções mais utilizadas é a possibilidade de usar o (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) FGTS na compra do imóvel.

Mas como fazer isso? Neste post, vamos explicar como você vai usar o FGTS para adquirir a sua casa ou apartamento. Você também saberá quais os melhores momentos para usar o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço, os requisitos para utilizá-lo e qual é a documentação necessária para a liberação deste fundo.

E aí, ficou interessado em saber um pouco mais sobre como usar o FGTS para comprar a casa ou o apartamento dos seus sonhos? Então, continue com a gente e acompanhe o nosso artigo!

Quando usar o FGTS?

  • Quando comprar ou construir um imóvel residencial;
  • Quando amortizar ou liquidar o saldo devedor;
  • Quando pagar parte do valor e das prestações do imóvel.

Quais os requisitos para usar o Fundo de Garantia?

  • Ter pelo menos três anos de carteira assinada. O período não precisa ser contínuo, ou seja, a pessoa pode ter trabalhado um ano em 2002 e outros dois a partir de 2010, por exemplo;
  • Não ser proprietário de imóvel residencial no município onde você pretende comprar a casa nova ou apartamento;
  • Não ter financiamento ativo no Sistema Financeiro de Habitação (SFH) em nenhuma cidade brasileira;
  • Trabalhar ou morar na cidade em que fica o imóvel que pretende comprar usando o FGTS.

Como usar o FGTS na compra do imóvel?

Veja se você cumpre os requisitos que citamos no tópico anterior deste artigo. Também é importante observar se:

  • O imóvel está avaliado em até R$ 950 mil nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Distrito Federal e 800 mil nos demais estados;
  • O terreno está no nome do titular da conta do FGTS;
  • O imóvel está destinado à moradia do titular;
  • O imóvel está regular junto aos órgãos competentes.

Reúna a documentação necessária

Se você já viu que se encaixa nos quesitos para usar o FGTS na compra do imóvel, é hora de pensar na documentação necessária para conseguir a liberação do dinheiro no banco. Então, reúna os seguintes documentos:

  • Carteira de identidade;
  • Certidão de nascimento;
  • Cadastro de Pessoa Física (CPF);
  • Certidão de estado civil, se for o caso;
  • Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS);
  • Comprovante de residência atual com no máximo três meses de vencimento – servem as contas de água, luz, gás, telefone;
  • Certidão de matrícula e uma cópia do IPTU do imóvel que deseja comprar.

Fique de olho no valor do imóvel

Procure sempre por informações atualizadas em sites de órgãos oficiais antes de dar o pontapé inicial no processo para a compra do seu imóvel.

Conheça os impedimentos de uso do FGTS

Além de você ficar atento ao valor do imóvel, também é necessário pensar nos impedimentos de uso do FGTS. Portanto, você não poderá usá-lo para adquirir bens comerciais ou terreno onde já existe uma construção em andamento.

Além disso, os recursos do FGTS não podem ser usados para reformar ou ampliar imóveis, tampouco para comprar materiais de construção. Você também não pode sacar o FGTS para comprar imóveis de terceiros, incluindo parentes e cônjuges.

Faça o investimento certo

Se você não tem experiência na área imobiliária, deve ter mais atenção com o FGTS. Afinal, este fundo é fruto do seu trabalho e você deverá investir da melhor maneira possível. Portanto, para não errar, só feche uma compra depois que avaliar a sua vida financeira. Isso, porque mesmo com o crédito do Fundo de Garantia, é bem possível que você tenha que completar o valor do imóvel.

Prepare para a vistoria

Depois que você garantir que o imóvel é adequado ao que busca, é preciso seguir com as checagens oficiais. É aí que entra a Caixa Econômica Federal. Ela irá designar um engenheiro ou arquiteto para fazer uma vistoria e avaliar as condições do seu bem. O banco só libera o uso do FGTS se o parecer técnico da vistoria for positivo.

Agora que você aprendeu como usar o FGTS na compra do imóvel, será mais fácil realizar o seu sonho da casa própria, não é verdade? Utilize seu Fundo de Garantia com sabedoria e conquiste o seu lar!

Quer conferir mais artigos como este? Acesse o nosso próximo post e veja quatro detalhes que você deve considerar ao contratar um financiamento imobiliário!

Deixe uma resposta

Fechar Menu