Nos últimos anos o setor da construção civil vem desenvolvendo diversas tecnologias para facilitar a execução de obras, bem como alternativas que buscam reduzir os impactos ambientais causados pelos métodos tradicionais. Foi pensando nesses aspectos que foi desenvolvida uma das técnicas construtivas que mais vem ganhando espaço ultimamente: o Steel Frame. 

Quer saber mais sobre essa novidade que pode reduzir o tempo de construção em até 40%? Então continue acompanhando o nosso post! 

O que é o Steel Frame? 

O Steel Frame, também chamado de Light Steel Frame, é um sistema industrial formado por estruturas de perfis de aço galvanizado. Essas estruturas são preenchidas por placas que podem ser de materiais diversos, como drywall, cimento e madeira, e são divididas em três partes: fechamento externo, isolamento termoacústico e fechamento externo.  

No fechamento externo está a estrutura de aço galvanizado, um isolante termoacústico, painel estrutural de OSB (formado por tiras de madeira perpendiculares, organizadas em várias camadas, o que eleva a resistência), e a placa cimentícia.  

O fechamento interno também é composto pelos perfis de aço galvanizado e um isolamento termoacústico, além de uma placa de drywall e do revestimento que será usado na parte interna do imóvel. 

Vantagens do Steel Frame 

Por ser um método desenvolvido para agilizar o processo de construção de uma obra, o Steel Frame traz várias vantagens para quem opta por essa alternativa. Confira algumas delas: 

Rapidez 

O Steel Frame é um dos métodos construtivos mais rápidos atualmente. Isso se deve ao fato de todos os seus componentes serem pré-fabricados. Isso pode reduzir o tempo de construção da obra em até 40%. Em alguns casos é possível entregar casas finalizadas em 15 dias. 

Sustentabilidade 

O método é um dos mais sustentáveis hoje em dia. Isso porque, além de não utilizar recursos naturais (como água) na execução, o Steel Frame também é um dos que gera menos resíduos durante a obra.  

Menor peso na estrutura 

Os perfis de aço galvanizados utilizados pelo Steel Frame são leves, o que impede que grandes esforços sejam feitos sobre a estrutura. Normalmente são usadas fundações superficiais do tipo radier (uma espécie de laje ou placa que cobre toda a área da obra). 

Precisão na execução 

Devido aos processos de fabricação dos materiais utilizados na construção (as placas, a estrutura, os isolamentos, etc), o sistema gera muito mais precisão e bem menos falhas, tornando o Steel Frame um dos métodos mais confiáveis. 

Além dessas vantagens, o sistema construtivo também oferece diversas opções de acabamento e proporciona um melhor isolamento térmico e acústico. Em alguns casos, até mesmo o custo pode ser mais favorável, pois os gastos com mão de obra e matéria prima são menores em função do curto tempo de construção. 

Desvantagens  

Por ser um sistema inteligente de construção, as desvantagens do Steel Frame são poucas. O método geralmente não é utilizado na edificação de obras com muitos pavimentos (o mais comum é que sejam construídos até 5, apesar de haver alguns prédios maiores construídos dessa maneira). Outra limitação é a dificuldade em encontrar mão de obra especializada, uma vez que ainda é um método relativamente novo. 

O Steel Frame chegou para revolucionar o setor da construção civil. No Brasil ele ainda está sendo introduzido aos poucos, principalmente porque aqui já há outros métodos tradicionais que são utilizados há muito tempo, o que demanda uma mudança na mentalidade geral até que o sistema passe a ser empregado mais significativamente.  

Agora que você já conhece o Steel Frame, conheça também o ECO Horizonte e o ECO Ville, os primeiros empreendimentos da Horizonte a serem construídos utilizando essa novidade.

Deixe uma resposta

Fechar Menu